CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO | MBAS

» MBA em Gestão da Inovação e Capacidade Tecnológica


RESUMO DESTE CURSO: Aulas presenciais. 472 horas/aula. É necessário ter graduação e passar por análise curricular.

 

O Brasil precisa urgentemente aumentar a taxa de inovação para aumentar a produtividade de suas empresas e demais organizações e o crescimento e desenvolvimento de sua economia.

No entanto, há no Brasil uma carência de profissionais com sólida formação em gestão das capacidades tecnológicas para a obtenção de produtos e serviços inovadores, que garantam o aumento de produtividade de suas organizações.

Por meio de atividades práticas, metodologias ativas e criativas, os participantes serão expostos a problemas reais, tomadas de decisão sobre inovação e projetos de inovação com impactos na produtividade e no
crescimento de suas organizações.

 

OBJETIVO
Entender, de forma ampla e sólida, o processo de gestão da inovação tecnológica e seus impactos no desempenho competitivo em nível de organizações, de projetos empreendedores, de clusters, bem como de áreas específicas dentro de sistemas mais amplos.

Formar profissionais para a implementação de ações e estratégias de inovação voltadas para o aumento da competitividade e produtividade em vários tipos de tipos de organização e negócios.

 

PÚBLICO ALVO
Profissionais que atuam em empresas privadas, de diversos portes, e estatais industriais e/ou de serviços.  Profissionais que atuam em organizações relacionadas ao sistema de ciência, tecnologia e inovação, em nível nacional, regional, local e setorial. Profissionais de organizações que objetivam implementar ações de gestão da inovação para a melhoria do desempenho. Potenciais empreendedores que desejam obter uma formação em gestão da inovação para estruturar seus próprios negócios. Profissionais experientes que desejam se reposicionar e reingressar de maneira competitiva em nova área no mercado de trabalho. Recém-formados que aspiram uma formação em gestão da inovação no intuito de fortalecer a sua competitividade para o mercado de trabalho.

 

PROGRAMA

  1. Fundamentos de Inovação e de Capacidade Tecnológica

  2. Estratégias de Inovação e Capacidades Tecnológicas

  3. Aprendizagem Tecnológica e Inovação

  4. Sistemas de Inovação: Políticas, Instituições e Financiamento

  5. Fontes Externas de Conhecimento para Inovação

  6. Clusters, Inovação e Competitividade

  7. Gestão de Projetos para Inovação

  8. Gestão de Portfólio de Projetos de Inovação

  9. Inteligência e Prospecção Tecnológica

  10. Gestão de Propriedade Intelectual

  11. Gestão Econômica da Inovação

  12. Marketing e Inovação Tecnológica

  13. Gestão de Capacidade de Produção

  14. Inovação Tecnológica e Sustentabilidade 

  15. Gestão da Inovação Baseada em TI

  16. Criatividade, Inovação e Empreendedorismo

  17. Gestão da Inovação e Sustentabilidade

  18. Liderança e Gestão da Inovação

  19. Módulo Internacional (1)

 

CARGA HORÁRIA
472 horas/aula.

 

INÍCIO OU PREVISÃO DA PRÓXIMA TURMA
Consulte nosso calendário clicando aqui.

 

COORDENAÇÃO
PAULO N. FIGUEIREDO. Professor titular da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (EBAPE) da Fundação Getulio Vargas (FGV), onde ingressou em 1999. É pesquisador associado sênior da University of Oxford, Reino Unido. Ele começou sua carreira profissional em 1981 no setor industrial onde exerceu cargos gerenciais de 1983 a 1989. A partir de 1990 especializou-se no ensino e pesquisa sobre desenvolvimento tecnológico e inovação industrial em economias em desenvolvimento e emergentes. Ao longo dos últimos 20 anos, Figueiredo tem ensinado gestão tecnológica e de inovação em cursos de graduação, pós-graduação (lato e stricto sensu), incluindo educação e treinamento para executivos, contribuindo diretamente para a formação, educação e treinamento de mais de 5.000 profissionais. Ele já orientou cerca de 50 dissertações, teses e monografias. Vários de seus ex-alunos ocupam postos de alta direção em empresas e em órgãos governamentais. Figueiredo acumula uma experiência de 20 anos em pesquisa acadêmica sobre a natureza, causas e consequências do processo de acumulação de capacidades tecnológicas em empresas e indústrias baseadas em economias em desenvolvimento e emergentes. Em meados da década de 1990, ele foi pioneiro, em nível internacional, na aplicação e desenvolvimento de novas tipologias e técnicas metodológicas para obtenção e análise de evidencias sobre os níveis, dinâmica (velocidade), e fontes de capacidades tecnológicas em nível de empresas de economias em desenvolvimento e emergentes.

 

(1) Fica facultado ao candidato a inscrição em um dos Módulos Internacionais oferecidos pela EduCon Educação Continuada e Carreira e Fundação Getulio Vargas. A não adesão ao módulo implica: a exclusão do titulo “Internacional” no Certificado de Conclusão de Curso e a redução da carga horária total para 432 horas/aula. Os Módulos Internacionais disponíveis são: Módulo Finanças para Executivos (Indiana State University, Estados Unidos), Módulo Inovação (MIT Professional Education, Estados Unidos), Módulo Gestão Empreendedora e Desenvolvimento de Sucessores (Babson College, Estados Unidos) e Módulo Empreendedorismo, Inovação e Liderança (Mondragon Unibertsitatea, Espanha).

 

IMPORTANTE: A EduCon Educação Continuada e Carreira e FGV se reservam no direito de alterar a data de início do curso ou de cancelá-lo, na hipótese de não ser atingido o número mínimo de alunos necessários à cobertura dos custos envolvidos, sendo garantida ao aluno, sem qualquer correção, a devolução das quantias pagas. Adicionalmente, a EduCon Educação Continuada e Carreira e FGV se reservam no direito de introduzir melhorias e/ou aperfeiçoamentos no curso, podendo, para tanto, alterar seu conteúdo e/ou a ementa das disciplinas, desde que tais melhorias e/ou aperfeiçoamentos preservem o objetivo acadêmico do curso e não importem em ônus adicional para o aluno ou na redução da carga horária total.